Menu

Pré-Candidatas participam de debate na B’nai B’rith

2018-08-09 - Uncategorized

Na última 3ª feira (7/8), a B’nai B’rith SP, dentro de seu espírito democrático e pluralista, realizou um debate com as pré-candidatas a deputada estadual Monica Rosenberg e Damaris Moura Kuo, e Thereza Collor que concorre por uma cadeira como deputada federal, mediado pelo jornalista Alberto Danon.

O tema da discussão foi acerca do cenário político brasileiro 2018. Foi lhes dado 15 minutos para que dissertassem sobre os seguintes pontos: como analisam o momento pelo qual atravessamos e quais são, vendo como cidadão, as três prioridades de ação para melhorar o País; e como enxergam o papel de nosso País no dinâmico cenário mundial, incluso seu papel no Oriente Médio. E, depois, foi lhes dado espaço para abordarem temas que lhes são caros.

Monica, a primeira a falar, colocou que a sociedade exige renovação, que é necessário quebrar a barreira do voto nulo ou branco. “Nós nos afastamos da política, agora é hora de cobrarmos daqueles que elegemos”, afirmou. E aconselhou os presentes: “Se apoderem, porque a política é nossa e não deles!”. A plataforma da advogada se sustenta em três pontos, a saber: atacar a corrupção, ou melhor, preveni-la; sustentabilidade no setor da saúde e a questão dos idosos.

A historiadora Thereza Collor, reviu seu papel na história do País, quando entrou em cena com seu então marido, e delataram uma série de atos que iam contra a moral e aspectos diversos do Brasil. Ela tem como principal bandeira a luta contra a corrupção, passando por áreas como educação para todos e em tempo integral. Contou sobre a experiência que vem tendo ao visitar locais distantes do centro de São Paulo. E concluiu sua fala: “Não importa o partido, estaremos todos juntos pensando o Brasil que nós queremos!”

Já advogada Damaris, sustenta sua campanha em três itens: proteção a infância; combate a intolerância religiosa e a luta contra o abuso e violência sexual. “Tudo passa pela educação!”, acentuou ela. E comentou que, por onde passa, leva uma cartilha muito simples e de sua autoria, na qual lista sinais que possam detectar qualquer abuso relacionado aos assuntos com os quais lida e onde procurar ajuda.

Na sequência, o público pôde manifestar-se elaborando questões voltadas às candidatas

Para a presidente da Bnai B’rith SP, Zeila Szliozbergas, a entidade cumpriu com seu papel de dar voz às pessoas que podem e querem transformar o Brasil em um País mais justo e digno de se viver, com segurança, saúde e educação.  “Tudo que abordaram faz parte do conceito de Tikun Olam (melhoria do mundo). E ressaltou a importância das mulheres ocuparem um espaço cada vez maior na sociedade.

Abraham Goldstein, Presidente Nacional da B’nai B’rith, reforçou que eventos como esse são primordiais e vão ao encontro dos princípios que norteiam a Associação.

A entrada para o debate foi a doação de um quilo de alimento não perecível a ser doado à Casa de Apoio à Criança com Câncer.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *